6 dicas para fazer os melhores convites para festas infantis

6 dicas para fazer os melhores convites para festas infantis

Quando o assunto é festa infantil a preparação do convite é passo fundamental. É por ele que os convidados terão o contato inicial com a festa e, bem sabemos, a primeira impressão é a que fica. Para você fazer bonito na hora de criar os convites é fácil. Basta seguir as dicas abaixo:


1. Prepare um Save the Date

Festinha dos colegas da escolinha, do prédio, do parquinho… Hoje em dia, a vida social das crianças definitivamente é intensa. Reservar um espaço nesta agenda concorrida é um desafio. Por isso, uma excelente opção é fazer um Save the Date (em inglês, Guarde a Data). O Save the Date é simplesmente um convite ou lembrete que contém apenas a data e hora do evento. Ele é entregue com maior antecedência aos convidados. Isto dá a eles mais tempo para se prepararem e à você mais calma para pensar no convite definitivo.

O Save the Date pode ser entregue, impresso, em mãos ou por e-mail. Outra alternativa simpática é fazer o Save the Date na forma de imã de geladeira. É fofo e uma forma certa de garantir a lembrança.


2. Defina se convite irá seguir o tema da festa ou se será uma peça à parte

No caso de festas infantis temáticas, é comum que o convite seja feito de acordo com o tema escolhido (exemplos atuais: Galinha Pintadinha, Monster High e Ben 10), para manter o alinhamento com a identidade da decoração. Nada impede, no entanto, que você faça do convite uma peça à parte, com identidade própria.


3. Decida se vai fazer um convite impresso, online ou os dois

Enviar o convite por e-mail, Facebook e outros meios eletrônicos é a forma mais prática, barata – e sustentável! – de convidar para uma festa. Hoje as pessoas passam grande parte do dia online, então é quase certo que elas receberão o convite.

Os mais tradicionais, no entanto, ainda preferem o bom e velho convite impresso. Ele é muito útil para convidar amiguinhos da escola, cujos pais não costumam ter muito contato. Uma alternativa é combinar as duas formas: usar o e-mail para chamar família e amigos mais próximos e convites impressos para coleguinhas da escola, pracinha, natação e de outras atividades da criança.


4. Abuse da criatividade!

Independentemente do meio escolhido para enviar o convite, seja criativo na hora de criar a peça. O tema da festa é “Pequeno Cozinheiro”? Por que não fazer o convite na forma de um pequeno livro de receitas? Você pode até mesmo criar um hotsite simples para a festa, onde que as pessoas podem confirmar presença, ver fotos da criança e deixar recados.

A grana está curta? Então apele para os sites gratuitos e use um dos milhares templates de convite disponíveis na Internet. Outra forma é partir para uma solução artesanal, como convites feitos a mão por você mesmo.


5. Fique atento aos mínimos detalhes

De nada adianta fazer um convite maravilhoso e não ter os endereços de e-mail dos seus convidados. Ou ter uma ideia fantástica e escolher o papel errado na hora de imprimir os convites. Dê atenção aos pequenos detalhes e diminua a chance de algo dar errado. Dê atenção especial aos errinhos de português. Confira seu texto com cuidado e consulte um dicionário ou gramática em caso de dúvida.


6. Confira se colocou todas as informações importantes

Após definidos o tema, a forma de envio e todos os outros detalhes do convite, é fundamental conferir se todas as informações necessárias foram colocadas. Verifique se o convite informa sobre o dia, hora, local, presença ou não dos pais, necessidade de algum tipo roupa específica (de banho, por exemplo) ou mesmo algum tipo de presente ou produto (como fraldas e leite para serem doados). Vale a pena gastar um tempinho nesta parte para depois não passar pelo constrangimento de enviar uma errata ou correção para os convidados.

Um item que não pode ser esquecido é o RSVP. A sigla vem do francês répondez s`il vous plait, e significa responda por favor. Incluir um RSVP é uma forma educada de dizer aos convidados que precisa que eles digam com antecedência se vão comparecer no evento ou não. Isto permite que o anfitrião acerte na quantidade de comes e beber, número de cadeiras e espaço necessário para a realização da festa.


Seguindo esta lista, você conseguirá fazer seus convites sem stress. Aí é só preparar a festa e, claro, aproveitar bastante a comemoração no dia! Você já teve problemas com convites? Fez o seu usando nossas dicas? Compartilhe suas histórias conosco nos comentários.